• You know?

    PhotobucketPhotobucketPhotobucketPhotobucket

O que é um vmod

Vmod é abreviação de Voltage modification, que significa modificação na voltagem ou tensão. Num overclock, além do próprio sistema, os principais limitadores são a temperatura e a tensão. Geralmente, o primeiro acaba sendo o limitador, entretanto num caso de temperaturas sub-0ºC, como no uso de chillers, gelo seco ou LN2, a tensão passa a ser a vilã. Para resolver isso, existem os vmods, que expandem a possibilidade de ajustes de tensão, antes limitados pelos ajustes disponíveis nas BIOS de mobos e VGA's.

Principais termos

Eis uma seleção dos termos mais comuns, não muito úteis para esse tópico, mas que são muito usados em fóruns estrangeiros:

Termos gerais:

PCB= Sigla de Printed Circuit Board / Placa de Circuito Integrado
VR= Variable resistor / Resistor variável
Vsense= linha da fonte que mede a tensão fornecida às suas linhas
IC= Integrated Circuit - Circuito Integrado
SMD= Sigla de Surface Mounted Device
V= tensão em qualquer forma; ex: VNB significa voltagem ou tensão do North Bridge
MOSFET= Sigla de Metal Oxide Semiconductor Field Effect Transitor
PWM= Power Management IC - "gerenciador de tensão"
Vdroop= Diferença entre tensões da CPU em repouso e em estresse
Vdrop= Diferença entre a tensão selecionada na BIOS e em repouso
PSU= Sigla de Power Supply Unit, popular "fonte"

Placa-mãe:

Vcore= voltagem da CPU
VDimm= voltagem da memória RAM
VNB= voltagem do North Bridge
VSB= voltagem do South Bridge
VFSB/VTT= voltagem do FSB, também conhecido como FSB Termination Voltage
VPCI-E= voltagem dos slots PCI-E

Placa de vídeo :

VGPU= voltagem da GPU
Vmem= voltagem da memória
Vref= voltagem de referência

Como funciona

Todo circuito elétrico precisa de determinada tensão para funcionar. No PC, essa tensão é controlada através do PWM. Esse controle de tensão é necessário, pois as tensões fornecidas pela fonte são de +5V ou +12V (existem também outras linhas, mas são menos usadas), muito maiores que as necessárias para o funcionamento de CPU, memórias e VGA. Para reduzir a tensão até o valor desejado, é preciso usar algum tipo de resistência, de forma a dificultar a passagem dos elétrons. O que queremos ao executar um vmod é justamente o contrário. Diminuir a resistência o suficiente para obter um aumento de tensão.

Tipos de vmod:

- Pencil Mod

Como o nome sugere, é um mod executado com lápis. Quase todos os mods desse tipo são para vdrop, vdroop (mobo) e vdimm (VGA). São aplicados somente quando os pontos a serem ligados são muito próximos. Recomenda-se o uso de lápis macio, do tipo B, sendo o 2B o mais usado. Apesar de simples, esse vmod exige o uso de um multímetro para medir a resistência, pois abaixando-a demais podemos aumentar a tensão a níveis perigosos e desnecessários.


Vdroop mod para P5K Deluxe

Prós:

- Fácil e barato de ser aplicado
- Fácil de ser removido, necessita de apenas um pouco de isopropanol
- Não deixa vestígios

Contras:

- É necessário reaplicação no longo prazo
- Perigoso caso não se use um multímetro

- Mod com tinta condutiva

Quando os pontos não são tão juntos, não é possível realizar o mod com lápis, então se utiliza tinta condutiva. Ela é espécie de solução à base de materias que sejam bons condutores elétricos, em geral carbono ou prata. Esse tipo de mod não é tão comum, mas pode substituir o lápis, já que é duradouro. Um ponto negativo é que a maioria das tintas é vendida como "liquid paper", com um pincel de pouca precisão para aplicação. Para que a tinta seja aplicada apenas onde se deseja, é comum utilizar algum tipo de fita adesiva, como silver tape, por exemplo. É possível também encontrar uma "caneta condutiva", muito mais precisa, porém é rara e cara.


VGPU mod da 7900GT

Prós:

- "Permanente"
- De fácil remoção com uso de acetona e isopropanol.

Contras:

- Difícil de aplicar na maior parte das vezes
- Não é muito fácil de encontrar

- Vmod com potenciômetro

Potenciômetro é uma resistência variável, que pode ser ajustada com qualquer resistência de 0 até a especificada. Exemplo: um potenciômetro de 10k pode ser ajustado em qualquer ponto de 0 até 10k ohms. É o tipo de mod mais usado e indispensável para quem almeja grandes feitos em termos de overclock, porém exige soldas de boa precisão, um tanto caras, e boa destreza, pois os componentes em que são soldados os fios são mínimos.


Potenciômetro comum



Prós

- Permanente
- Tensão ajustável
- Versátil, funciona para qualquer mod

Contras

- Exige soldas de precisão e baixa potência
- Muito difícil de remover, caso dê algum problema é pouco provável que consiga acionar a garantia

Abaixo alguns links de fabricantes de instrumentos de medição e solda encontrados no Brasil:

- Multímetros

Minipa
ICEL Manaus
Fluke

- Soldas

Hakko/Hikari
Toyo
AFR
Weller

É só, espero que este tópico ajude a descomplicar esse que é um dos principais recursos do overclocker.

Categories:

1 Response for the "Vmod, o que é e para que serve!"

  1. Anônimo says:

    Hello! I understand this is sort of off-topic but I needed to ask.
    Does managing a well-established blog like yours take a lot of work?

    I'm completely new to running a blog however I do write in my journal everyday. I'd like to start a blog so I
    will be able to share my experience and thoughts online.
    Please let me know if you have any kind of ideas or tips for brand new aspiring bloggers.

    Thankyou!
    http://www.joraweb.com/blog/188098/some-things-to-consider-concerning-small-business-web-design/
    http://meetme.hj.cx/index.php?do=/blog/162/critiques-around-small-business-web-design/

    my web-site :: pipefitters